quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Há pessoas

  • Há pessoas...
  • Que querem ser bonitas
  • para chamar a atenção...
  • Outras desejam a inteligência para serem admiradas...
  • Mas há algumas que procuram cultivar a ALMA e os Sentimentos.
  • Essas alcançam a admiração de todos,
  • porque além de belas e inteligentes tornam-se realmente
  • PESSOAS!

A tua vida

  • Esta vida é tua...
  • Encontra força para escolher o que queres fazer
  • faz bem feito.
  • Encontra força para ama-la
  • Ama com honestidade!
  • Encontra força para andar na floresta e fazer parte da natureza
  • Encontra força para controlar a tua própria vida
  • Ninguém pode fazer isso por ti.
  • Nada é bom demais para ti,tu mereces o melhor.
  • Encontra força para fazer a vida saudável, excitante vale a pena ser muito feliz.
  • Assim chegarás aos seus sonhos.

O meu olhar

  • O meu olhar é nítido como um girassol.
  • Tenho o costume de andar pelas estradas Olhar para a direita e para a esquerda,
  • E de vez em quando olhar para trás...
  • E o que vejo a cada momento É aquilo que nunca antes eu tinha visto,
  • E eu sei dar por isso muito bem...
  • Sei ter o pasmo essencial Que tem uma criança, ao nascer,
  • Sinto-me nascer a cada momento Para a eterna novidade do Mundo.
  • Creio no Mundo como num malmequer,
  • Porque o vejo. Mas não penso nele.
  • Porque pensar é não compreender...
  • O Mundo não se fez para pensarmos nele
  • Mas para olharmos para ele e estarmos de acordo...
  • Eu não tenho filosofia, tenho sentidos...
  • Se falo na Natureza não é porque saiba o que ela é,
  • Mas porque a amo, e amo-a por isso
  • Porque quem ama nunca sabe o que ama
  • Nem sabe por que ama, nem o que é amar...
  • Amar é a eterna inocência,
  • A única inocência não pensar...

terça-feira, 19 de agosto de 2008

Recados Para Orkut

Confira mais figuras para Trechos da Bíblia:
[orange]*[/orange] www.RecadosOnline.com/trechos-da-biblia.html [orange]*[/orange]


sábado, 9 de agosto de 2008

O Amor


  • O amor!
  • Não são palavras que se dizem,
  • Por um momento sem pensar.
  • O amor!
  • São outras coisas que se sentem sem falar.
  • O amor!
  • Por vezes, nunca chega, porque passa sem chamar;
  • Outras vezes chega tarde, quando chega, já alguém está no seu lugar.
  • O amor!
  • Não tem fronteiras, nem distancias;
  • Não tem idade para chegar.
  • Anda perdido entre as gentes
  • Num cantar, num olhar ou num chorar.
  • O amor!
  • É perdoar, não dizer nada e em silencio caminhar,
  • O amor….
  • São outras coisas que se sentem sem falar…

Deoleones

sexta-feira, 8 de agosto de 2008

Abraça-me

  • Abraça-me:
  • nos teus braços,
  • Faz-me sentir mulher.
  • Xiu!!!
  • não digas nada
  • abraça-me.
  • Como se agora fosse a primeira vez!
  • Sem medo, sem receios, desta cobardia
  • De amar em silêncio!!!.
  • A noite traz a tua lembrança,
  • a nostalgia, o arrepio, a falta de ar.
  • A fobia!
  • A revolta...o medo.
  • Que só os teus braços podem afastar.
  • Abraça-me
  • Preciso de ti!!!

Deoleones

quinta-feira, 12 de junho de 2008

Se eu fosse:

  • Se eu fosse um mês seria: Março
  • Se eu fosse um número seria: 7
  • Se eu fosse um planeta seria: Terra
  • Se eu fosse uma direção seria: Norte
  • Se eu fosse um móvel seria: Cama.
  • Se eu fosse um líquido seria: Água.
  • Se eu fosse um pecado seria:Luxuria .
  • Se eu fosse uma pedra seria: Diamante.
  • Se eu fosse um metal seria: Ouro.
  • Se eu fosse uma árvore seria: Romanzeira
  • Se eu fosse uma fruta seria:Diospiro.
  • Se eu fosse uma flor seria:Rosa .
  • Se eu fosse um clima seria: Tropical
  • Se eu fosse um instrumento musical seria: Piano.
  • Se eu fosse um elemento seria: Agua.
  • Se eu fosse uma cor seria:Preto.
  • Se eu fosse um animal seria: Leão.
  • Se eu fosse um som seria: Musical.
  • Se eu fosse uma letra de música seria: Mi.
  • Se eu fosse um estilo de música seria: Romantica.
  • Se eu fosse um perfume seria: Suave.
  • Se eu fosse um sentimento seria: Amor.
  • Se eu fosse um livro seria:Biblia.
  • Se eu fosse uma comida seria: Um Doce.
  • Se eu fosse um lugar seria:Uma ilha.
  • Se eu fosse um gosto seria: Chocolate.
  • Se eu fosse um cheiro seria: Perfume Angel.
  • Se eu fosse uma palavra seria: Felicidade.
  • Se eu fosse um verbo seria: Amar.
  • Se eu fosse um objeto seria: P.C.
  • Se eu fosse uma roupa seria: Body.
  • Se eu fosse uma parte do corpo seria: Cabeça.
  • Se eu fosse uma expressão seria: Alegre.
  • Se eu fosse um desenho animado seria:Alice.
  • Se eu fosse um filme seria: Drama.
  • Se eu fosse uma forma seria: Triangulo.
  • Se eu fosse uma estação seria: Primavera.
  • Se eu fosse uma frase seria: Um Mundo de amor!

domingo, 25 de maio de 2008

  • Foste
  • A melhor coisa
  • E a pior na minha vida.
  • O que amo e que odeio
  • Uma espécie de obrigação
  • De dever
  • Até um erro!
  • Fico calada,
  • Enquanto me chamas o que teu coração não sente
  • Arrasto-me aos teus pés mas, nada muda
  • Posso falar a verdade que tudo nos separa.
  • Mais um problema,
  • Uma loucura,
  • Um silencio,
  • Uma dor.
  • Nada muda o que está feito…
  • Foste
  • Quem me ensinou a falar de amor
  • O meu maior caso
  • O abraço sincero
  • A paixão mais complicada
  • O beijo mais atrevido
  • A zanga mais acesa
  • A forma de dizer estou viva...
  • Deoleones

domingo, 18 de maio de 2008

Quero-te

  • Quero-te
  • Antes e depois de todos os acontecimentos
  • Na profunda imensidade do vazio
  • E a cada lágrima dos meus pensamentos.
  • Quero-te
  • Em todos os ventos que cantam,
  • Em todas as sombras que choram,
  • Na extensão infinita do tempo
  • Até onde os silêncios moram
  • .Quero-te Em todas as transformações da vida,
  • Em todos os caminhos do medo,
  • Na angústia da vontade perdida
  • E na dor que se veste em segredo.
  • Quero-te Em tudo que estás presente,
  • No olhar dos astros que te alcançam
  • Em tudo que ainda estás ausente.
  • Desde a criação das águas,
  • desde a ideia do fogo
  • E antes do primeiro riso
  • e da primeira mágoa.
  • quero-te...
  • Deoleones

sábado, 26 de abril de 2008

Um resto de mim

  • Um pouco de Mar,
  • Um pouco de Sol,
  • Uma Estrela a brilhar,
  • Um pouco de Céu,
  • Uma pouco de noite,
  • Um resto de mim!
  • Um beijo molhado,
  • Um rosto cansado
  • Uma lágrima sofrida,
  • Um deserto sem água,
  • Uma flor que morreu,
  • Um caminho vazio,
  • Uma mão estendida,
  • Um resto de mim.
  • Um pouco de nós
  • Escondido no tempo.
  • Um desejo escondido,
  • Uma dor que não sai,
  • Um abraço calado,
  • Um sorriso magoado,
  • Um resto de mim…
  • Um pouco de nós!...
Deoleones

sábado, 19 de abril de 2008

  • Vim aqui para te dizer
  • Basta!!!
  • Basta de discussões
  • De loucuras
  • De ofensas
  • E no fim
  • Caio de novo em teus braços
  • Basta!!!
  • Daqui para a frente
  • Tudo vai ser diferente
  • Vou acabar com o orgulho
  • Com a mágoa
  • E vou amar
  • Amar sem briga
  • Sem rancor
  • Sem lágrimas
  • Basta!!! amor
  • Vim aqui para te dizer
  • Amo-te...

Deoleones

sábado, 22 de março de 2008

De mim...

  • Não sei se a vida é longa ou curta demais
  • Nem se viver tem sentido
  • Escrevo na areia
  • O amor
  • Acaricio o vento
  • Conforto a tua solidão.
  • Ouço as palavras que tentas dizer
  • Sinto a dor no teu rosto
  • A revolta nos teus gestos.
  • Não sei se a vida é longa demais para ti
  • Nem sequer se vives ou apenas respiras,
  • Toco teu corpo trémulo e gasto pelo tempo,
  • A tua mão fria, enrugada quase morta;
  • O teu olhar triste
  • Cala a minha voz.
  • Todos os dias esperas a minha visita
  • A malvada dor não dá folga
  • Corrói, mata aos poucos.
  • Por vezes...
  • Por vezes tenho vontade de
  • Desistir!!!
  • Afinal…
  • Não sei se a vida é longa ou curta demais
  • Nem se viver tem sentido
  • Apenas sei que precisas de mim…
  • Deoleones

sexta-feira, 21 de março de 2008

Pascoa

  • Páscoa, na língua hebraica é pessach, que significa passagem ou passar por cima. E esta idéia esta implícita em versos que referendam a esta festa em Êx 12.11,23,27. A Páscoa celebrava-se com a morte de um cordeiro no dia 14 de Abibe (cf. Êx13.4). Abibe significa espigas verdes e corresponde ao primeiro mês do calendário hebraico. Durante o exílio, este nome foi substituído pelo nome Babilônico Nisã, que significa, começo, abertura. Em nosso calendário este mês corresponde a Março- Abril.
  • Pascoa também pk Nosso Senhor Jesus morreu por nós mas rescuscitou ao 3º dia.
  • Pascoa é alegria
  • Vitória
  • Certeza que até hoje nada nem ninguém consegue desmentir mesmo querendo.
  • Pascoa não é comercio,amendoas,coelhos ,ovos ...
  • Nada disso
  • Pascoa é a certeza que Jesus vive.
  • Jesus vive dentro de cada um de nós.
  • Basta querer.
  • Senhor Jesus!!!
  • mais um ano passou desde que foste sacrificado e morto,
  • Por todos nós , para nos salvares Jesus
  • mais um ano em que festejamos a certeza que Ressuscitas-te vives
  • e adoroamos Jesus vivo!
  • Senhor Jesus
  • Muito Obrigado por estares a nosso lado meu Pai
  • Muito obrigado pela minha familia
  • pelos meus amigos/as
  • pela vida e saúde
  • muito obrigado,
  • Senhor Jesus.
  • Que esta Pascoa seja celebrada nos corações de cada homem e mulher
  • com Amor e Paz.
  • Que tu Senhor Ressuscites na vida de cada um de nós,
  • para te honrarmos e darmos gloria
  • sem ter vergonha de cremos em ti
  • Senhor
  • Amém

  • UMA PASCOA FELIZ PARA TODOS OS AMIGOS E VISITAS
  • BEIJINHOS
  • Deoleones

quinta-feira, 13 de março de 2008

Preciso chorar

  • Preciso chorar...
  • Desabafar a minha dor
  • Falar da raiva que tenho calado horas a fio.
  • Deste dia que não termina mais,
  • Das pessoas que toco
  • com cheiro a morte,
  • das que falo e não me querem ouvir.
  • Das que ignoro
  • Das que gosto mas não tenho paciência
  • Em silêncio!
  • Oiço ao meu redor
  • Palavras rudes, estupidas
  • Que me revoltam o coração.
  • Sinto-me fraca desprotegida
  • Só as lágrimas me podem ajudar.
  • Nada resolve porque na verdade
  • Queria ser má, rude, fria…
  • Saber gritar na hora certa
  • Bater com a porta
  • Dizer NÃO!
  • Preciso chorar…
  • Cada lágrima leva um sentimento
  • Que hoje atravessa a minha mente
  • Me devora a alma...
  • Deoleones

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

  • Despida de mim
  • escrevo palavras.
  • Palavras que chegam a fazer peso
  • no meu coração.
  • Vou com o meu sonho
  • rumo a um horizonte
  • infinito que houve a minha voz.
  • Visto a Nuvem,o raio de Sol,a gota de Chuva.
  • Pego a mão do velho e da criança
  • sinto-me bem!
  • Despida de mim;
  • crio beijos,
  • paixões,
  • sou menina, mulher, ilusão...
  • Num Mundo
  • que sei criar,
  • vou ao sabor do vento,
  • longe de imposições e educação
  • onde longe de meu ser;
  • sou apenas
  • "Nada" ou "Tudo"
  • que a realidade não me deixa
  • ser!!!

Deoleones

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2008

Deixa-me sonhar

  • Deixa-me sonhar!
  • Amar, sentir
  • Sem poder dizer nada!!!
  • Não importa se te vi
  • Ou conheci
  • Não importa se estás distante ou aqui.
  • Deixa-me sonhar!
  • Fechar os olhos e sentir as tuas mãos,
  • O calor do teu corpo,
  • O sabor do teu beijo,
  • O perfume da tua pele.
  • Sentir a tua voz evadir os recantos do meu ser;
  • Sentindo os arrepios no mais intimo do meu eu,
  • Envolvendo-me sorrateiramente!...
  • Deixa-me sonhar!

Deoleones

domingo, 24 de fevereiro de 2008

Ás vezes

  • Ás vezes finjo acreditar nas tuas histórias
  • Palavras, flores, velhos amores…
  • Ás vezes finjo acreditar
  • Quando me falas do céu, das borboletas,
  • Do meu Mundo.
  • Tento encontrar-me nos teus versos;
  • Vestida de rosas vermelhas ao luar,
  • Douradas de Sol e lívidas,
  • Ás vezes finjo acreditar quando lanças as tuas teias
  • De sedução meia louca,
  • Nesse sorriso nostálgico, enganador!
  • Que constrói castelos e acabam em ruínas!
  • Ás vezes finjo acreditar, ouvir, mas… não estou
  • O pensamento está distante da presença do corpo
  • O abstracto chama por mim
  • Combino o Sol com o mar
  • A noite com a lua cheia,
  • A paixão com o amor…
  • Ás vezes oiço a tua voz
  • Finjo acreditar… Deoleones

sábado, 23 de fevereiro de 2008

  • Mergulho na minha alma!
  • Encontro-me sozinha.
  • Como queria ir onde o coração me manda!...
  • Saber ler o destino na palma da mão
  • Cantar a viva em verso ou em prosa
  • Voar livre.
  • Por vezes as palavras parecem não ter nexo
  • Saem como notas de música
  • Como uma doce vibração
  • Que moldo a meu jeito
  • Mas nem todos sabem ouvir!
  • Sou amor sou fantasia,
  • Sou fogo queimando a pele,
  • Licor da Primavera
  • Outono da existência,
  • Rosa colhida,
  • Um poço de emoções.
  • Que se perdem no céu
  • como bolas de sabão.
  • Deoleones

terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

  • Madrugada de chuva
  • Fortes trovoadas
  • Noite mal dormida.
  • O pensamento vai para factos.
  • São acordes de sensações,
  • Perdidos no deserto da mente,
  • Responsáveis pelas minhas insónias.
  • Na televisão guerras, mortes,
  • Filmes estúpidos.
  • Que me fazem mergulhar de novo ao Mundo presente!
  • 4 Horas
  • A cada dia… uma nova manhã
  • Chuva, Sol vento, trovoada...
  • Novo dia!
  • As flores voltam abrir,
  • As arvores estão mais verdes,
  • Os pássaros voltam a cantar…
  • Tudo fica tão bem de novo.
  • È tarde
  • Lá fora ainda chove
  • Bate nas persianas
  • Como musica vinda do céu
  • Para me adormecer.
  • Amanhã, amanhã não logo!
  • Luto para mais um dia.
  • Vou levantar com o pé esquerdo,
  • Sem explicação para mais uma noite mal dormida
  • Deoleones

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2008

  • O dia anoiteceu.
  • Vou usar o vestido vermelho
  • Dançar para ti.
  • Não sabes quando chego,
  • Levo espumante.
  • Musica atrevida .
  • Vou dançar para ti.
  • Procurar o teu olhar
  • Plantar pérolas nas nuvens
  • Num Mundo de sonhos
  • Sem saber acordar.
  • As pétalas espalhadas no chão
  • Acompanham meus passos!
  • Tu és o anjo.
  • Eu a fantasia.
  • Tu és a presença.
  • Eu a musica .
  • Tu o céu.
  • Eu o arco-íris.
  • A sedução
  • Eu o prazer
  • Vou ter contigo
  • Vou dançar para ti…

Deoleones

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2008

  • Não esperes por mim.
  • É inútil perder tempo.
  • Não esperes por mim.
  • Mudei de rumo;
  • Virei a página,
  • Rasguei as folhas.
  • Andei, corri, chorei,
  • Bebi, fumei.
  • Pensei novamente.
  • Mais do que queria.
  • Fui ao fundo do imaginário
  • Da minha alma.
  • Ao baú dos meus sonhos
  • Lá no canto do meu coração
  • Que bem conheces.
  • É inútil perder tempo.
  • Não esperes por mim!
  • Deoleones

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2008

  • Escrevo
  • Para ti
  • Para mim para ninguém.
  • Escrevo porque sonho
  • E tu sonhas também.
  • Escrevo as minhas fantasias que podem ser tuas.
  • O sonho que podes sonhar.
  • A imaginação que podes ter
  • Escrevo – me a mim, a ti, a ninguém.
  • Escrevo a Chuva, o Sol, o Mar.
  • Escrevo as flores o vento o amor.
  • Escrevo a luz, o ódio, a paixão.
  • O que as palavras não definem
  • O que a realidade não consegue.
  • Escrevo a paz.
  • O amanhã que pode nem vir.
  • Escrevo a morte, o sofrimento.
  • O passado o futuro
  • O meu e o teu.
  • Escrevo para ti
  • Para mim.
  • Escrevo…
  • Para ninguém

deoleones

domingo, 10 de fevereiro de 2008

  • Estou a ver
  • No teu modo de olhar
  • Que aquele amor,
  • A paixão
  • Está a passar!
  • Eu não quero
  • Não posso
  • Nem devo obrigar
  • Ninguém a querer-me.
  • Não me tentes enganar
  • Vejo no teu olhar.
  • Nas palavras já nem vou acreditar.
  • O que tiver que ser será.
  • Fechos os olhos
  • Para que tu não sintas
  • Quando digo não te quero,
  • E sabes que te amo.
  • Afasto-me defendo-me
  • E depois entrego-me
  • Nessa loucura
  • Nego as evidências
  • Fujo ás aparências
  • Com o meu modo estúpido de agir.
  • Imagino a areia e o azul do mar infinito.
  • Onde nas suas profundezas esconde
  • Os meus segredos.
  • Os meus desejos.
  • Vejo-me no meio de flores
  • Deitada no meio delas
  • A olhar o céu.
  • Como as flores entendem!!!
  • A paixão.
  • Dura para sempre!!!
  • Estou a mentir
  • Ela acaba como vem
  • Derrete como pedra de gelo ao Sol
  • Deixa os bons momentos
  • Dos apaixonados
  • E vai embora
  • Deixa a amizade
  • E vai embora.
  • Deixa o amor
  • Ou não deixa
  • NADA!!!
  • Deoleones

sábado, 9 de fevereiro de 2008

Olá:

  • Vou abrir as portas
  • Do meu coração
  • Para ti.
  • Entra!!!
  • Hoje vou escutar
  • Os teus comentários,
  • Dar atenção aos teus desabafos,
  • Ajudar nas tuas aflições,
  • Eu
  • Não sei olhar os teus olhos
  • Mas, sinto o teu olhar.
  • O Mundo parece pequeno!!!
  • Não é?
  • Tu vens nem sei de onde.
  • Atravessas fronteiras.
  • Trazes-me flores.
  • Beijas-me.
  • Falas comigo.
  • Sinto-me feliz sabes?
  • Permite que me ria contigo .
  • Que seque as tuas lágrimas se for preciso.
  • Que sinta teu ombro amigo.
  • És apenas um nome!
  • Escondes-te através de um ecrã!
  • Mas és tu!
  • Que eu respeito e amo,
  • Que vejo mas sinto.
  • Entra!!!
  • Espero por ti.
  • Ainda que virtual
  • O meu amor e o meu carinho
  • É
  • Para ti!!!

Deoleones

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2008

merci mon ami por lá chançon c'est trés belle.Merci ,bisous.Deoleones

À Toi

  • À la façon que tu as d'être belle
  • À la façon que tu as d'être à moi
  • À tes mots tendres un peu artificielsQuelque fois
  • À toi
  • À la petite fille que tu étais
  • À celle que tu es encore souvent
  • À ton passé, à tes secrets
  • À tes anciens princes charmants
  • À la vie, à l'amourÀ nos nuits, à nos joursà l'éternel retour de la chance
  • À l'enfant qui viendra
  • Qui nous ressemblera
  • Qui sera à la fois toi et moi
  • À moi
  • À la folie dont tu es la raison
  • À mes colères sans savoir pourquoi
  • À mes silences et à mes trahisons
  • Quelque fois
  • À moi
  • Au temps que j'ai passé à te chercher
  • Aux qualités dont tu te moques bien
  • Aux défauts que je t'ai cachésÀ mes idées de baladinÀ la vie,
  • à l'amourÀ nos nuits, à nos jours
  • À l'éternel retour de la chance
  • À l'enfant qui viendraQui nous ressembleraQui sera à la fois toi et moi
  • À nousAux souvenirs que nous allons nous faire
  • À l'avenir et au présent surtou
  • tÀ la santé de cette vieille terreQui s'en foutÀ nous
  • À nos espoirs et à nos illusionsÀ notre prochain premier rendez-vous
  • À la santé de ces millions d'amoureuxQui sont comme nous
  • À toi
  • À la façon que tu as d'être belle
  • À la façon que tu as d'être à moi
  • À tes mots tendres un peu artificiels Quelque fois
  • À toiÀ la petite fille que tu étais
  • À celle que tu es encore souvent
  • À ton passé, à tes secrets
  • À tes anciens princes charmants

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2008

  • Não me olhes assim!!!
  • Que me irritas!
  • Não me olhes assim!
  • Que sou eu mesma!
  • Um pouco mais velha
  • Um pouco mais cansada sim.
  • Os meus olhos já não brilham como quando menina.
  • O cabelo diferente;
  • A pele com mais rugas.
  • Mas o coração como sempre
  • Apenas sabe amar.
  • Louca sonhadora!!!
  • Que me dou por inteira
  • Quando encontro carinho.
  • Louca sonhadora
  • Que ainda chora ao engano.
  • Louca sonhadora
  • Um pouco mais velha
  • Um pouco mais cansada sim
  • Mas o coração como sempre
  • Apenas sabe amar…
  • deoleones
  • Vou ficar por aqui.
  • Vou tentar escrever,
  • Descrever minha alma,
  • Vou ficar por aqui.
  • Fechar os olhos,
  • Sentir-me ausente,
  • Esconder-me da sombra do meu ser,
  • Ficar perto do céu,
  • Vou ficar por aqui,
  • Mais longe de ti,
  • Mais perto do mar,
  • É inútil mudar,
  • Vou ficar por aqui.
  • Parar e pensar,
  • Ir ou voltar pouco importa,
  • Tentar entrar no teu olhar,
  • Romper o pensamento
  • Enfrentar o meu destino,
  • Dizer que estou louca,
  • Que a paixão é estúpida,
  • Vou ficar por aqui.
  • Deoleones

terça-feira, 5 de fevereiro de 2008

Meu amigo

  • Meu amigo é diferente!
  • Dá-me paz quando me fala.
  • Amor quando me olha.
  • Calor quando me abraça.
  • Meu amigo é diferente!
  • Dá-me carinho sem eu pedir.
  • Dá-me atenção quando eu preciso.
  • Conselhos quando erro.
  • Amor quando estou carente.
  • Beija-me quando necessito.
  • O meu amigo é diferente!
  • Dá-me a mão sem ter medo.
  • Fala – me quando estou triste.
  • Acaricia meu rosto…
  • Posso tentar descreve-lo hoje...
  • Mas, não há palavras para o fazer!
  • O meu amigo
  • O meu amigo
  • É diferente… Deoleones

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2008

Fazer amor contigo

  • Fazer amor contigo é:
  • Tremer ao toque da tua boca,
  • Gemer ao sentir a tua mão,
  • Ser prisioneira do teu prazer,
  • E dominar o teu corpo.
  • Fazer amor contigo:
  • É sentir o poder da sedução,
  • O abraço da paixão,
  • O arrepio na pele,
  • O calor da tua boca,
  • O sabor da tua língua,
  • Sentir a respiração,
  • A fome do teu desejo,
  • Saciada sobre mim.
  • Fazer amor contigo :
  • É matar a sede no teu corpo,
  • Chorar de prazer,
  • Alimentar-me de ti… deoleones

sábado, 2 de fevereiro de 2008

Como te Amo

  • Como eu te amo.
  • Como eu te amo.
  • Convence-te.
  • Convence-te.
  • Ninguém mais te amará.
  • Amo-te.
  • Amo-te:
  • Com a força dos mares.
  • Amo-te
  • Como a chuva e como vento
  • Amo-te
  • No silencio e na calma
  • Amo-te
  • Na distancia e no tempo
  • Amo-te
  • Com a minha alma e a minha carne
  • Amo-te.
  • Como as lindas manhãs
  • Amo-te.
  • Com o meu grito e meu silêncio
  • Amo-te
  • Na alegria e quando choras
  • Amo-te
  • Na distância e no abraço
  • Como eu te amo,
  • Como te amo...
  • Ninguém te amará!!!...
Deoleones

quarta-feira, 30 de janeiro de 2008

Amor


  • Amor
  • não é uma coisa que se esgota.
  • Quanto menos uso mais enfraquece,
  • quanto mais dou,
  • mais recebo em duplicado.
  • Amor:
  • é a resposta.
  • Amor:
  • é a energia .
  • Amor:
  • acaba com a raiva.
  • Amor:
  • ilimina o recentimento.
  • Amor:
  • livra-me da culpa.
  • Amor:
  • afasta-me da censura
  • Amor:
  • diminui-me o medo.
  • Amor:
  • abre-me as portas.
  • Amor:
  • é o meu melhor caminho
  • para a liberdade,
  • para a paz de espirito.
  • Amor:
  • é o que sinto por mim.
  • Amo-me
  • para que me
  • Ames!!!
Deoleones

terça-feira, 29 de janeiro de 2008

A vida

  • A vida
  • ensinou-me :
  • todos os dias existem novas emoções.
  • Que a semana afinal parece ter oito dias.
  • O dia 25 horas.
  • A vida
  • ensinou-me :
  • do outro lado da lua também há luz.
  • Que o Sol parece não nascer para todos.
  • Que a dor existe quando menos esperamos.
  • Que a paixão surge sem escolher quando.
  • A vida
  • ensinou-me:
  • Que também se pode beijar com raiva.
  • Que há beijos especiais.
  • Que por vezes sei ser má e me arrependo.
  • Que se pode ler as entrelinhas.
  • A vida
  • ensinou-me:
  • que se pode ouvir a voz do mar.
  • que se o silêncio das flores acalma.
  • que amar é a melhor coisa do Mundo.
  • A vida ensinou-me :
  • que a toda gente posso dizer:
  • Amo-te.!!!

Deoleones

segunda-feira, 28 de janeiro de 2008

Noite

  • O dia terminou.
  • Chegou a noite.
  • O dia de trabalho acabou
  • pertence ao passado
  • tudo que correu bem,
  • valorizo.
  • O resto vou esquecer!!!

deoleones

quarta-feira, 23 de janeiro de 2008

  • Loucura
  • È:
  • Quando se anda a correr, se o dia tem 24horas.
  • Loucura
  • É:
  • Quando se vive para trabalhar
  • e não se trabalha para viver.
  • Loucura
  • É:
  • Quando não se vive um dia de cada vez.
  • Loucura
  • É:
  • Quando não se corre na chuva.
  • Loucura
  • É:
  • Quando se ouvem palavras fúteis.
  • Loucura
  • É:
  • Quando se fala o que se devia calar.
  • Loucura
  • É:
  • Quando não se ama e não se deixa amar.
  • Loucura
  • É:
  • Quando não se retribui o mal com bem.
  • Loucura
  • É:
  • Quando não se beija na rua.
  • Loucura
  • É:
  • Quando se tem vergonha de chorar.
  • Loucura
  • É:
  • Quando não vemos o belo da vida.
  • Loucura
  • É:
  • Quando se não consegue ouvir a voz do mar.
  • Loucura
  • É:
  • Quando se não sabe escutar silêncio das as flores.
  • Loucura
  • É
  • Ser louca e não saber aproveitar essa;
  • Loucura
  • Morre aos poucos que não tem a coragem de ter
  • um pouco de
  • Loucura!!!

Deoleones

Todo este céu (canta o Fausto) foi-me dedicado !!!não entendi o pk mas...de facto é lindo

  • Abraça-me bem
  • e cobre o meu corpo enfim nesse agasalho
  • são os teus braços sim
  • cuida de mim
  • basta-me um gesto
  • porém
  • abraça-me bem
  • bem no teu colo
  • chega-me mais a ti
  • um pouco mais
  • suavemente assim
  • tudo por fim
  • são mágoas que eu consolo
  • bem no teu colo
  • todo este céu
  • de pássaros e tons muito assombrado
  • traz o teu sertão bom
  • todo este som
  • desce a nós com um véu
  • todo este céu
  • lançado à terra
  • sobre restingas e ilhéus
  • mil sombras de asas
  • lembram a ausênciade um deus
  • num último adeus
  • pois só teu afago
  • me espera
  • lançado à terra
  • e
  • qualquer coisa
  • acontece no mais alto dos céus
  • qualquer coisa no fundo do meu coração
  • mas não sei das trevas
  • nem da luz
  • pois sem ti não há
  • nem céu
  • nem chão
  • e
  • se a noite já ronda
  • minha cruz
  • luz nas trevas
  • minha paixão

Obrigada

Deoleones

terça-feira, 22 de janeiro de 2008

  • Vou embalar a minha noite,
  • Deliciar a minha boca,
  • Saborear o teu corpo,
  • Sentir o sabor da pele,
  • Gemer de prazer.
  • Quando me chamas paixão,
  • Quando me dizes és linda.
  • Vou embalar minha noite
  • Enrolada nos teus braços
  • Ao som da suave musica
  • Mergulhar em ti.
  • Despir-me de mulher
  • Voltar a menina
  • De sonhos cor-de-rosa em perfume de mulher
  • Num mar de flores e odores
  • de loucura!!!
  • Vou embalar minha noite…

deoleones

Se eu fosse uma águia

  • 2 - Era: Real
  • 3- Não era: Feia
  • 4-Tinha : Longas asas
  • 5-Não tinha: Medo
  • 6- Dava: Grandes voos ganhava as alturas
  • 7- Não dava:Confiança a qualquer um
  • 8- Fazia: De cada momento uma vida
  • 9- Não fazia: Mau juizo de outras aves
  • 10- Gosto de: Mar
  • 11- Não gosto de: Falsidade
  • 12- Sou : Sincera
  • 13- Não sou:Mentirosa
  • 14- Desejo: Saúde,amor,paz...
  • 15- Não desejo: Destruição nem guerras
  • 16- Vou contruir: Mais amor
  • 17- Vou destuir: A falcidade
  • 18- O meu planeta chama-se: Terra
  • 19- É : Lindo
  • 20-Lá existe: Um pouco de tudo e um ser chamado "homem" que destroi o Planeta
  • 21- Não existe; Paz em certos Paises
  • 22- Há muitos: Países
  • 23- Há poucos: Homens com coragem para dizer basta!!!
  • 24- A comida é: Depende há boa e menos boa
  • 25- Procuro ser: Acima de tudo Mãe
  • 26- Serei sempre: Eu
  • 27-Era capaz de: Trabalhar na AMI
  • 28-Não sou capaz de: Matar,ou fazer mal a alguém...
  • 29- A minha frase/lema de vida : O SENHOR é o meu pastor nada me faltará ( Salmo 23-1)
  • Recebi este desafio da amiga http://rendilhados2.blogspot.com muito obrigada

sábado, 19 de janeiro de 2008

DESAFIO: passado pela amiga Rosina

  • 1- Sua maior felicidade seria (é): a minha familia
  • 2- Seu pior pesadelo seria (foi): seria ter uma doença má
  • 3- Meu objetivo é: comprar uma vivenda branca e amarela
  • 4- Sonho realizado foi: ter sido mãe de filhas maravilhosas
  • 5- Minha maior derrota seria: não ter constituído minha família
  • 6- Melhor palavra dita: Amo-te
  • 7- Pior palavra para se ouvir é: Guerra e matou
  • 8- Um mundo melhor seria: Com paz entre as nações
  • 9- Uma pessoa especial é (foi): são as minhas filhas e netos
  • 10-Resumo amizade como: amigo é aquele que sabe tudo de ti e mesmo assim é fiel ,leal ,sincero ctg...sem nunca te deixar.
  • 11- Resumo a falsidade como: Falta de caráter
  • 12- Deus é: o 1º na minha vida
  • 13- O que diria alguém triste: entrega o teu caminho ao Senhor confia nele e ele tudo fará
  • 14- Eu sou: uma pessoa que luta por meus objetivos. Sua maior felicidade seria (é): Poder dar paz ao Mundo, comida as pessoas que morrem de fome por maldade dos homens que governam o Mundo!!!

sexta-feira, 18 de janeiro de 2008

Tiro o chapéu ao autor deste poema. Sr Manuel Alegre. Um poema muito actual no meu país

  • Hoje vive-se um vazio, os poetas morreram! Mesmo vivos… estão mortos! Já não cantam como dantes as misérias do país. Já não estão sós! Já não cantam alto, aburguesaram-se.
  • Enquanto na rua o povo desfila cantando as amarguras, eles mantêm-se na toca, no redil do socialismo encapotado. Enquanto nas ruas o povo é corrido à bastonada os poetas andam de braço dado com os “pinóquios” deste país. De quem lhes negou a possibilidade de serem oposição ao homem cinzento que diz que a função do 25 de Abril está acabada.
  • Onde andais poetas? Por onde anda a vossa escrita que fez levantar um país contra a opressão, os vampiros, a tortura, o degredo?!...
  • Por onde andais poetas?!... Hoje a vossa escrita é um ramalhete de cravos murchos de uma revolução que ainda não se fez, de um Abril que ainda está por fazer!
  • Onde o Homem nunca mais explore outro Homem, e que a Liberdade não seja só uma flor no cano de uma espingarda!
  • Onde andas tu poeta amigo?!... Eles, o Zeca, o Adriano, o Salgueiro Maia estão à espera que digas como disse Ary:
  • Serei tudo o que disserem
  • por temor ou negação:
  • Demagogo, mau, profeta, falso
  • médico, ladrão, prostituta
  • proxeneta,espoleta, televisão.
  • Serei tudo o que disserem:
  • Poeta castrado,
  • não!
  • Podem castrar-te o corpo poeta de Abril, mas a alma… Nunca!

AMANHÃ

  • O stress mexe comigo
  • O trabalho também não ajuda muito
  • É sexta-feira…
  • Amanhã!
  • Vou fazer de cada momento uma vida.
  • De cada sonho uma flor.
  • De cada pensamento uma canção.
  • De cada gesto um carinho.
  • De cada palavra ainda que ma digam com malícia ou maldade;
  • Transmitir paz, sabedoria, silêncio, humildade.
  • Em cada beijo transmitir,
  • Amor!!!
  • Deleones